Crónica: Corações "apertadinhos" | Diary

O início desta semana deu também início ao mês de praia para muitas das escolas em Portugal, com isso muitos corações de pais e mães ficaram mais apertadinhos.

A Duda vai para a praia com a escola desde o ano e meio idade. Na altura foi uma decisão muito pensada pois ela era pequena e eu tinha medo de a deixar ir. Até que percebi que medo e receio eu vou sentir SEMPRE, agora entendo tão bem a minha mãe quando eu lhe dizia “Mamã vou sair, não te preocupes.” e ela respondia “Leninha é impossível não me preocupar!” (mãe sofre 🙂 ).

Na altura deixei-a ir porque achei importante começar a superar os meus medos e tinha a certeza que ela ia adorar ir para a praia com as educadoras e os amigos.

Hoje em dia ainda tenho medo! Cada vez que a levo ao autocarro dou-lhe as recomendações habituais, portar-se bem, não sair de perto das educadoras e não falar com pessoas que não conhece.

Confesso que por vezes, muito menos vezes e muito mais controlada que no primeiro ano, vou à praia vê-la, fico a observa-la de longe com um sorriso de quem fica feliz por a ver feliz. E com a certeza que o coração apertadinho passa a fazer parte da vida de cada Pai e Mãe.

Com amor, Leninha.

 

 

Comments

Comments

Leave a Comment